EU NÃO MALHO … EU TREINO !!

Por Nina Veiga

Seu corpo é um espelho. Ele reflete suas ações…
Ele é a imagem do que você come…
Ele é a imagem de como você treina…
Ele reflete a sua disciplina…
Ele reflete o seu estilo de vida…

Você já deve ter lido ou escutado alguém pronunciar a frase: “Eu não malho… eu treino!” Sim, é uma frase bem comum no meio dos praticantes de musculação. Porém, sempre observei que as pessoas ainda tinham dúvidas com relação ao que seria malhar e treinar, e com isso a mesma pergunta era feita:

Qual a diferença entre quem “malha” e quem “treina”?

Vou tentar responder essa questão, pois envolve vários pontos. No geral, posso dizer que as principais diferenças entre um e outro seriam as seguintes:

Quem malha tem uma visão com relação à musculação como uma atividade a mais no seu dia-a-dia. Pode ir todo dia à academia. Porém, o fato da pessoa comparecer à academia para malhar não necessariamente significa que ela leve aquilo mais a sério ou tenha um comprometimento maior com a musculação.

Muitos vão à academia apenas para “cumprir tabela”, outros vão com um peso de uma “obrigação” por estarem pagando a mensalidade, ou porque está na moda fazer exercícios, ou porque querem um corpo bonito e por aí vai… No geral, a maioria das pessoas tem um envolvimento superficial com a musculação.

Existem variados motivos que levam uma pessoa a fazer musculação. Mesmo aqueles que procuram aumento de massa muscular – e outras melhorias estéticas – e vão rigorosamente malhar todo o santo dia podem ser enquadrados no grupo dos que “malham”.

A grande questão é que quem malha faz sua série de musculação e pronto! Tudo começa e termina dentro da academia. Do lado de fora dela, o estilo de vida que levam não tem comprometimento com a musculação e muito menos ajudam nos seus objetivos. Na maioria das vezes, até atrapalham seus resultados. Muitas noites de sono perdidas, constante consumo de bebidas alcoólicas e por aí vai…

Não estou discriminando de forma alguma essas pessoas. Cada um faz o que quer e leva sua vida da forma que melhor lhe convém. Ninguém é igual. Tem gente que ama correr, outros odeiam. Tem gente que ama jogar futebol, outros não levam jeito para a coisa. Com a musculação é o mesmo.

A musculação começa na mente do indivíduo. O corpo vem com o tempo. Você não precisa ser gigante para falar que treina. Basta que sua mente esteja direcionada a treinar e não a “malhar”.

Quem treina leva a musculação bem a sério e tem seu estilo de vida ligado a ela. São pessoas que têm o comprometimento dentro e principalmente fora da academia. Seu envolvimento com a musculação é completo.

As pessoas que treinam procuram sempre trocar idéias, pesquisar e obter informações sobre alimentação, suplementação e treinamento. O tempo todo procuram melhorar seu desempenho e resultados. Sua alimentação é regrada, o descanso e principalmente o seu treino são sagrados.

Quem treina está sempre de olho nos pequenos detalhes, até mesmo com relação à execução dos exercícios. Treinam focados no que estão fazendo e não visando aparecer com altas cargas para a platéia da academia. O objetivo é priorizado sempre. Eles têm metas e estão sempre procurando maximizar seus resultados. São pessoas que procuram ter consciência do que é bom e do que é ruim para a conquista de seus objetivos. Superação seria a definição de quem treina. É como se cada dia de treino fosse um único dia e não “mais um dia”. A alimentação ao longo do dia não é feita pensando “estou com fome, tenho que comer algo”, mas sim como um cronograma traçado, que ajude ao seu atual objetivo de acordo com a rotina que seu dia terá.

Tudo é mais ou menos esquematizado de acordo com as possibilidades de cada um. Mas o principal é a consciência que se tem do próprio corpo e das necessidades que ele tem no pré-treino, no pós-treino e nos diversos horários do dia. Existe também a preocupação com o descanso.

Mas veja bem, quem treina também sai e se diverte! O ponto que existe é uma consciência de que quanto maior a freqüência desse comportamento, mais prejudicados estarão os seus resultados.

Uma vez escrevi um trecho que engloba bem o estilo de vida de quem leva o treina a sério:

Somos doentes, somos insanos, por querer nosso DIA DE TREINO.
Somos doentes, somos insanos, por preferir uma noite de sono a sair para festas e baladas.
Somos doentes, somos insanos, por deixar de beber enquanto nossos amigos enchem a cara.
Somos os errados, somos os bitolados, somos taxados de tudo quanto é tipo de estereótipo por aqueles que não conseguem resultados ou se incomodam com nosso ESTILO DE VIDA.
Musculação não é verão…
Musculação não é praia…
Musculação não é carnaval…
Musculação é algo que está no sangue, é algo que está na veia, é algo que ninguém pode tirar de nós, pois AMAMOS ESSE ESPORTE.

Lembre-se de que a musculação não se resume somente ao que fazemos dentro da sala de musculação. A musculação é um conjunto, e não um único item isolado. Muita gente acha que musculação é somente “fazer sua série”, bater um prato de pião no almoço, ou até mesmo tomar um suplemento e pronto, missão cumprida.

Musculação é muito mais que isso…

Otima noticia

Hoje, vendo meus milhares de e-mails que recebo diariamente no email da ibm e que quase nunca olho, descobri, que por vacilo meu, o RH da ibm automaticamente agendou minhas férias compulsórias. Resumindo… Dia 5 de Junho começa o mês da Maromba!! Ronnie Coleman, me aguarde!!